A LUTA DOS TRABALHADORES DA SAÚDE PELAS 30 HORAS

Comissão formada por trabalhadores e trabalhadoras da saúde e o SISMMAR estiveram na Câmara Municipal nos dia 28/05, 02 e 04/06, visitando os gabinetes dos vereadores apresentando as reivindicações, conforme texto.

Na 5ª feira dia 28/05 o Vereador Heine Macieira atendendo ao pedido da Comissão retirou de pauta o Projeto de Lei Complementar Nº 1166/2009 que regulamenta às 6 horas diárias para os trabalhadores das Unidades Básicas de Saúde. A principal reivindicação dos trabalhadores é pela inclusão dos servidores que atuam no Hospital Municipal, Pronto Atendimento Zona Norte e Residência Terapêutica.

>Agora leia a postagem logo abaixo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dez − 9 =