SERVIDORES (AS) FAZEM PROTESTO NO DESFILE

Servidores e servidoras da saúde estiveram na manhã deste feriado no desfile da independência protestando contra a lei que instituiu 6 horas diárias de trabalho na saúde, porém deixando de fora algumas categorias. Trabalhadores (as) principalmente os auxiliares de serviços gerais e auxiliares administrativos, que lidam diretamente com a população, se sentiram discriminados e pediam isonomia.
P.S> A diretoria do sindicato não é contra a lei mas sim contra o fato de a mesma não ter incluído toda a categoria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dez − sete =