SISMMAR lamenta iniciativa de alguns vereadores em repudiar o CMDCA

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) divulgou nota oficial a respeito da moção de repúdio aprovada pela Câmara de Maringá, com voto de sete vereadores. Outros cinco vereadores foram contra a iniciativa de autoria do líder do prefeito.

O SISMMAR é uma das entidades que tem participação no CMDCA, ocupando atualmente a vice-presidência através da dirigente sindical Cibele Cristina Teles Campos, e também lamenta a moção de repúdio aprovada por alguns vereadores contra um Conselho que tem cumprido seu papel junto à sociedade maringaense.

Confira a nota na íntegra:

NOTA OFICIAL DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇAS E DO ADOLESCENTE – CMDCA SOBRE A NOTA DE REPÚDIO APROVADA PELA CÂMARA DE VEREADORES

“É com espanto que recebemos através dos meios de comunicação a nota de repúdio, aprovada por parte dos vereadores que compõem Câmara Municipal de Maringá, ao Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente.

Lamentamos tal nota, pois este conselho nada mais faz que cumprir suas obrigações para com a sociedade, dentre as quais se inclui organizar a eleição dos conselheiros tutelares, dentro dos prazos estabelecidos em reunião plenária deste conselho de direitos.

O conselho sempre esteve e continua aberto à participação de qualquer cidadão preocupado em coibir violências e apresentar idéias e propostas que permitam obter melhorias e avanços nas políticas de defesa dos direitos das crianças e adolescentes de nossa cidade.”

Paulo Rogério da Silva
Presidente do CMDCA

Maringá, 06 de agosto de 2010

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 × três =