DIA DO GARI – 16 DE MAIO

Dia 16 de maio, comemora-se o Dia do Gari, denominação criada em homenagem ao francês Pedro Aleixo Gary, primeira pessoa a assinar um contrato de limpeza pública com o Ministério Imperial, em 1876, quando teve inicio a remoção de lixo das casas e praias do Rio de Janeiro. Os garis ou coletores são os profissionais da limpeza pública que recolhem o lixo das moradias, edifícios comerciais e residenciais.
 
O trabalho deste profissional é de extrema necessidade e são poucas as pessoas que se propõem a realizar a atividade. Os coletores enfrentam os mais variados riscos: intempéries, cães ferozes, contaminação por produtos químicos, cacos de vidros e outros tipos de produtos jogados nos sacos de lixo sem a menor preocupação de como e por quem será coletado.
 
Nossos garis passam despercebidos, como se fizessem parte do lixo que estão recolhendo. Entretanto, o indivíduo quase imperceptível trabalha noite e dia, com chuva ou sol, correndo atrás do caminhão e se expondo a riscos.
 
A atividade tem aspectos perigosos e os riscos encontrados pelos garis são muitos, alguns inerentes à própria atividade, ainda que mediante o uso de equipamentos de proteção individual e coletivo seja praticamente impossível evitar que ocorram os acidentes.
 
O descarte incorreto de cacos de vidro, seringas, restos de construção, palitos de churrascos, pedaços de ferro, madeira, latas e outros materiais pontiagudos acarretam lesões nos trabalhadores que os afastam por muito tempo de suas atividades, ocasionando sobrecarga de trabalho aos outros coletores.
 
Precisamos conscientizar nossa sociedade a adotar formas corretas de descarte do lixo para não causar acidentes e valorizar o ser humano que presta um serviço essencial para o bem comum da sociedade e do meio ambiente.
 
O descarte correto do lixo vai evitar que ocorram acidentes com os coletores e com a população em geral. Parabéns aos profissionais da limpeza: coletores, varredores de rua, margaridas, garis, independentemente da denominação que lhes seja atribuída, em pleno cumprimento da missão de manter a nossa cidade limpa, protegendo assim a nossa saúde e o meio ambiente.
 
Lilian Ferreira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 × quatro =