Ruim para o servidor (a), pior ainda para a população

Os dirigentes do SISMMAR protocolaram ofício quanto à situação precária dos servidores (as) do NIS Grevíleas, que estão exercendo suas atividades no antigo Salão do Reino das Testemunhas de Jeová. O local não oferece condições adequadas de trabalho diante de sua estrutura. Se para os servidores (as) a situação já insustentável, a população que depende destes serviços também fica à mercê da precarização da saúde pública, no mínimo, uma situação vergonhosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

um × 3 =