TRIMESTRALIDADE: UMA ASSEMBLÉIA HISTÓRICA

No dia 31 de maio os trabalhadores da Prefeitura Municipal de Maringá se reuniram numa Assembléia histórica. Estavam presentes aproximadamente 300 servidores, os diretores (as) do SISMMAR e os advogados da Ação da Trimestralidade e do jurídico do SISMMAR.
A pauta única era a organização da luta pelo recebimento da Trimestralidade. Após a abertura da Assembléia, em que foi colocada a conjuntura atual da Ação e informado que até o momento, apesar das especulações da mídia, o Prefeito ainda não enviou a proposta ao Sindicato. Os advogados fizeram todos os esclarecimentos jurídicos.
Este período de luta pelo recebimento da Ação da Trimestralidade é histórico por duas questões:
1ª a intensificação da luta dos trabalhadores fez com que, pela primeira vez, em 17 anos, um Prefeito sinalizasse para uma negociação com o Sindicato;
2ª com este indicativo de negociação o Prefeito foi obrigado a reconhecer o SISMMAR, como entidade de representação dos trabalhadores públicos do município e responsável pela negociação.
A resposta do prefeito, de que vai negociar com o Sindicato é uma resposta a luta dos trabalhadores que exigem o pagamento de sua Trimestralidade. Esta resposta teve que ser dada porque a luta está crescendo, os trabalhadores estão se somando, os aposentados, os servidores da ativa, os pensionistas, todos estão unidos nesta luta e exigem seu direito a Trimestralidade.
A assembléia impulsionou mais um passo na organização dos trabalhadores pelo recebimento da Ação da Trimestralidade e exigimos uma resposta do Silvio Barros II. Este é o papel legitimo da Assembléia, possibilitar um espaço democrático para que todos os trabalhadores discutam e decidam sobre sua luta.
E foi neste espaço democrático, que os trabalhadores escolheram sua Comissão de Mobilização, que dará mais vida a toda a luta pelo pagamento da Trimestralidade.
A luta continua! Exigimos o pagamento da Trimestralidade!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

quatro × 5 =