Cumprindo deliberação dos servidores (as) da CMM dirigentes reivindicam melhoras no Sama (Parte 2)

Além das pautas anteriormente citadas, o SISMMAR também apresentou a diretoria do Hospital Santa Rita, outras críticas dos trabalhadores:

  1. Não poder agendar pessoalmente as consultas. Quanto a isso, a avaliação do diretor foi de que não é possível atender a esta reivindicação, pois o serviço é realizado por Call Center em outro local e as informações dos servidores (as) estão concentradas lá;
  2. Falta de ginecologista mulher para o atendimento das servidoras. Segundo o diretor, está difícil encontrar mulheres dentro desta especialidade para contratação, mas o hospital continua procurando profissionais;
Reforçamos que existem outras pautas que serão tratadas em nova reunião.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezesseis − 12 =