Gestão Somos Todos SISMMAR realiza a convocação para nova assembleia dos Administrativos

Momentos após o encerramento da assembleia desta segunda-feira (4) na Câmara Municipal, específica para servidores do Administrativo, a direção do SISMMAR começou a receber incontáveis denúncias de assédio e coação para interferir na livre escolha por parte da categoria.

Através de fotos, vídeos e prints de conversas pela rede WhatsApp, bem como relatos de servidores que estavam na assembleia, as informações foram coletadas desde a noite de ontem até a manhã de hoje (5).

A partir de análise feita junto ao corpo jurídico do SISMMAR, foi possível constatar prática antissindical por parte de servidores que queriam beneficiar uma das opções para a votação. Inclusive, em pelo menos um caso comprovado, houve agressão verbal contra um trabalhador administrativo em virtude da escolha durante a assembleia.

Diante desta situação que é duramente repudiada pela direção sindical, a gestão Somos Todos SISMMAR entrou em contato com o Executivo e o Legislativo de Maringá que, inclusive, também estavam recebendo as denúncias em grande volume por parte de dezenas de servidores do administrativo, evidentemente descontentes com a limitação do exercício democrático.

Frente a comprovação desta prática que impacta significativamente na livre escolha de cada trabalhadora e cada trabalhador presente, foi feita uma reunião de emergência à pedido do SISMMAR para impugnar o resultado da assembleia desta segunda-feira e para que uma nova votação fosse realizada. Em virtude do farto volume de provas, o pedido foi prontamente aceito por ambas as partes de modo a não encerrar as negociações.

Assim sendo, a gestão Somos Todos SISMMAR irá realizar nova assembleia dos Administrativos para a próxima segunda-feira, dia 11 de março, com primeira chamada às 19h e segunda e última chamada às 19h30, na Câmara Municipal. Para esta votação, logo na entrada será necessária a apresentação de documento com foto e do holerite dos servidores para comprovar que os respectivos presentes são efetivamente do quadro do administrativo. Ao mesmo tempo, a votação ocorrerá mediante cédulas impressas que serão depositadas em uma urna física. Uma comissão de representantes dos administrativos e do sindicato estará acompanhando todo o processo a fim de garantir que não ocorra qualquer novo caso de prática antissindical, coação e assédio que busque interferir na votação.

A gestão Somos Todos SISMMAR se coloca de maneira absolutamente intransigente contra qualquer medida que prejudique o processo democrático e a livre participação política dos servidores de Maringá. A direção sindical também se solidariza com os servidores coagidos ou agredidos verbalmente e se coloca à disposição para eventuais medidas administrativas e/ou judiciais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17 − 12 =